Cuidados com todas as raças de cachorros pequenos

Cuidados com todas as raças de cachorros pequenos

Introdução: Cuidados com todas as raças de cachorros pequenos

Olá amigos e amigas do site Coragem de Cão. Nesta postagem, gostaríamos de falar mais uma vez sobre os cuidados com cachorros pequenos, ou seja, os filhotinhos. Neste post falaremos dos cuidados básicos, sendo que as orientações servem para os casos que o animal tenha nascido na sua casa, como também podem ser aplicadas para o animalzinho que foi comprado e chegou mais velho na sua casa.

Cuidados iniciais com o cachorro filhote:

Um assunto extremamente importante que vamos tratar com vocês diz respeito aos cuidados que a gente deve ter quando a gente adquire um filhote de cão. A primeira coisa que a gente tem que pensar como é que a gente vai adaptar a esse filhote na nossa casa.

A gente tem que lembrar que ele vai precisar de um espaço para comer um espaço para as necessidades dele e também uma cama quentinha e de preferência e que esse espaço seja abrigado de friagem, visto que o filhote é muito sensível ao frio.

O interessante é que você leve o filhote para uma avaliação com o médico veterinário que ele vai poder a orientá-lo melhor a cuidar do seu filhote para que ele tenha um crescimento de forma saudável.

 

Quanto a alimentação suplementar para o Filhote.

Então o animal nasceu: inicialmente não tem que suplementar com nada o filhote bebê. A mãe cuida dele amamentando e ela mesmo inclusive limpa as fezes e tudo mais. Com 30 a 45 dias alimentação dos filhotes a gente pode pensar em utilizar uma ração seca própria para filhotes.

Nesse momento você também deve entrar com o suplemento alimentar para o filhote de cachorro começar a deixar um pouquinho a mamãe em paz e também para começar a se alimentar com a ração que é um pouco úmida, inicialmente como se fosse uma papinha.

Quando começaram a nascer os dentinhos, você já pode dar ração com grãos um pouquinho maiores para filhotes, aí ele vai parar de mamar e começar a comer só a ração. A alimentação de filhote é até um ano e depois você passa para a ração de adulto.

Aí a gente vai então introduzir de forma gradativa a essa ração para que eu se habitue com gosto dela se você perceber que ele não aceita ração seca, o que você pode fazer é o dar com um pouquinho de água e aos poucos e colocando num potinho só a ração seca para que ele habitue com o sabor dela.

Aplicação de Vermífugos no cachorro.

Com 15 a 30 dias já é indicado fazer a primeira vermifugação tanto dos bebês quanto da mãe, todos mundo no mesmo dia, sendo necessário repetir essa verificação com 30 dias. E o médico veterinário também vai te orientar melhor os melhores a forma de protocolo que a gente tem tanto para prevenir contra vermes intestinais contra giárdia também

Se for o seu caso, é nesse momento que ele vai ser encaminhado para doação, ou pode ser vendido, aí depende do que você pretende.

Nesse momento você estiver comprando e como ele vai chegar para você, ou seja, provavelmente deve estar com 45 dias ou um pouquinho mais.

 

Vacinas para o filhotinho

A partir daí já pode ser feita a primeira dose da vacina V-10 e com o passar do tempo as outras vacinas V-10, raiva, leptospirose, etc), sendo que cada uma tem a sua data para ser feita e o seu veterinário vai te informar certinho.

A vacinas elas podem ser iniciadas com 45 dias de idade, porém se você adquirir o filhote naquele dia fique com ele alguns dias em casa antes de começar o processo de vacinação porque é importante que você tenha certeza que ele está com uma saúde adequada, ou seja, que ele está se alimentando bem, que tá brincando e não apresentava vômitos nem apresenta diarreia.

Porque senão, se ele tiver algum processo viral até mesmo uma bactéria e incubada no organismo, a vacina pode colocar o sistema imunológico em baixa e vai acabar piorando a os sintomas da doença que ele estava desenvolvendo.

Quanto ao Banho e a troca de Dentes

Em relação ao banho no pet shop a gente tem que lembrar que ele sorriu adequada que lhe valeu pet shop depois do processo de vacinação está completo ou seja lá por quatro cinco meses de idade quando tentam ele vai estar liberado para os banhos em pet.

Vamos também falar um pouquinho sobre a troca de dentes. A gente tem uma troca gradativa dos dentes começam pelos incisivos mas muitas vezes alguns deles permanecem. Aí nasce o dente permanente, e ficar com o dente de leite pode comprometer a mordedura a do filhote e até mesmo causar o desenvolvimento de placa bacteriana entre os dentes. Nesse caso você conversa com o colega para agendar a extração desses dentes que é o tratamento mais propício nesses casos

 

Orientação quanto a brinquedos e ossos para o filhote brincar.

A gente vai falar um pouquinho aqui sobre os brinquedos e ossos que a gente compra para os nossos filhotes. Quando a gente adquire o filhote, a gente gosta correr ao Pet shop e aí comprar os mimos para ele.

A orientação que a gente passa é que vocês comprem brinquedos fabricados com material mais rígido mais firme possível, porque muitos brinquedos de borracha,  como filhote gosta de destruir tudo ele tem, e devido ainda a troca de dentes também o que acaba incomodando.

E muitas vezes quando ele morde esses brinquedos, corre o risco de engolir. Em relação aos ossos a gente sempre indica que vocês comprem ossos maiores para que o animal, porque desde muito pequeno pode correr o risco do animal morrer devido a um processo obstrutivo.

Com ossos maiores eles vão além deles brincarem, se divertirem com aquilo e eles vão também raspar o osso causando uma ação mecânica de limpeza nos dentes.

É certo que quando o osso começar a ficar muito desgastado você vê que já está menor vale a pena ficar trocar de uma forma rotineira pra que ele ficando um fragmento menor muitas vezes o paciente corre o risco de justamente deglutir esse fragmento. Então fica a dica é de trocar com uma certa freqüência os ossos conforme o animal vai brincando

 

Escovação Diária dos dentes do Filhote

A escovação diária é bastante importante também pra na orientação desses cuidados com filhotes porque ela vai prevenir a doença periodontal. Então você pode começar com uma dedeira e uma escova cerdas bem macias.

Para o filhote tente fazer de 10 a 15. Sempre você deve parabenizar o animal e ele então faz festa depois que ele deixar você fazer o procedimento porque você consegue ir aumentando esse tempo de escovação dos os dentes tanto superiores e inferiores de uma forma mais adequada.

Muitas vezes o proprietário já quer que ensinar um animal adulto a escovar os dentes e aí pode ser um pouco mais dificultoso esse paciente tiver um temperamento um pouco mais agressivo vai ficar mais difícil, então desde filhote a escovação diária pelo menos a cada dois dias vai facilitar então para que a gente evite a doença periodontal

Espero que a gente tenha ajudado vocês com essas dicas e para cuidar bem do seu filhote a gente fica por aqui beijo no coração e até a próxima semana

Envie seu comentário

Animais

Veja mais

Cães

Veja mais

Eventos

Veja mais

Família

Veja mais

Gatos

Veja mais

Turismo

Veja mais
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE